A viagem de Pierre Verger ao Japão

Em 1934, começando na fotografia, Pierre Verger foi convidado por um editor do jornal France-Soir a empreender uma viagem ao Japáo. Eras uas primeiras experiências na área e ele tinha o olhar de quem queria tudo conhecer e tudo compreender por meio da câmara fotográfica. Estas imagens permaneceram inéditas para nós até agora. Uma exposição na Caixa Cultural, nos traz 100 destas primeiras imagens, feitas ainda com um frescor de quem não foi catálogado. Coisa aliás que ele nunca concordou. As imagens, já trazem em si alguns dos temas que mais tarde vão ser fonte de preocupação do Pierre Verger, como os trabalhadores, os barcos, os rostos, a cultura e o folclore. Vale a pena ver a exposição que vai até dia 25 de maio, aqui em São Paulo. E se quiser saber mais, leia minha matéria no Estadão.

 

Anúncios

8 comentários em “A viagem de Pierre Verger ao Japão

  1. Nos últimos meses tenho acompanhado bastante seu blog que vem me ajudando muito no meu aprendizado e nesse ultimo mês (maio) fiquei muito feliz por conseguir me inscrever num curso ministrado por vc, o mini curso do Sesc Pompéia Fotos e História.

    Valeu pelo conteúdo sempre bacana com ótimas dicas como essa da Caixa, vale realmente a pena ir!

    Grande beijo e até logo!!

  2. Simonetta, bom dia,

    Leio seu blog constantemente e gosto muito. Enfim, sou estudante de Sociologia na Escola de Sociologia e Política de São Paulo, já sigo um percurso dentro da fotografia há dez anos (entre redações, festas de casamento, aniversário, colunas sociais, expedientes cinematográficos, leituras & outros, fui construíndo meu olhar e sistematizando o caminho que pensava ser mais autoral).

    Atualmente a Sociologia me possibilitou encontrar o ângulo que buscava trabalhar na fotografia.
    Por esse gosto todo acabei organizando um grupo de estudos sobre fotografia e sociologia na Escola de Sociologia e Política de São Paulo.

    Já pude, inclusive, apreciar um Curso seu na caixa a convite de Marize Rangel, mas infelizmente por falta de tempo não pude acompanhá-lo por inteiro, não consigo participar de todos.

    Enfim, as vezes me paira uma angústia; precisava te pedir um conselho sobre o valor que isso pode vir a ter, ou não uma vez que os encontros são abertos aos alunos da escola e às pessoas de fora também (não nos conhecemos, entretanto esse mundo virtual é legal pois possibilitanos conversarmos com pessoas que as vezes não conhecemos pessoalmente).

    Será que seria lhe pedir muito para me responder a este e-mail gramaticavsual@gmail.com…este é o blog do grupo http://gramaticavisual.blogspot.com/, por favor faça-nos uma visita, Simonetta; dê-me um retorno, gostaria de saber se podemos trocar outras idéias ou manter o contato.

    Agradeço-lhe imensamente pela atenção.

    Um abraço,

    Carla Tatiana

  3. Só passei para dar um aLô e dizer que seu Blog está cada vez melhor. Meu nome é João Carlos e eu participei de seu último curso sobre os pensadores no MAM( o cara que teve o carro destruído por um delegado bêbado ).

    Gosto muito do trabalho do Pierre Verger, além de sua exótica história aqui no Brasil que começa como um Antropólogo Cético e acaba como um Babalorixá Francês e Branco.

    grande beijo
    jc. ruzza

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s