Homenagem à Amelie Poulain

                               dsc00589.jpg                                     

Quem assistiu ao filme  “ O fabuloso destino de Amelie Poulain certamente vai lembrar do duende viajante. Quem não assistiu, aconselho a ir até a locadora mais próxima. Bom neste final de semana fui almoçar num restaurante rural em Londrina.  Destes que comemos ao ar livre, comida caseira, etc. Até aí tudo bem. Mas me deparei com situações estranhas: como o macaco de madeira grudado numa belissima árvore e um jacaré falso  no moinho. Imediatamente lembrei do filme.

                                                    dsc00592.jpg 

                                                  

Sempre estamos tratando com representações,  com ficção e realidade, etc. Se estamos no meio de uma propriedade rural será que precisamos de falsos bichos para nos dar a idéia e natureza, de mato, et.? Falarei disso mais adiante quando vou resenhar o livro “O choque do real: estética, mídia e cultura”, de Beatriz Jaguaribe. Mas isso fica para depois!

Anúncios

3 comentários em “Homenagem à Amelie Poulain

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s